Consumidores

Descubra como fazer o cálculo para churrasco e acerte nas proporções!

Vai chegando o final de semana e você resolve chamar o pessoal para curtir um churrasquinho e colocar o papo em dia. Porém, você se vê frente a um dilema muito comum: como fazer o cálculo para churrasco de forma que todos sejam bem alimentados e não ter o risco de faltar carne ou bebidas, por exemplo?

Neste artigo, vamos mostrar algumas dicas e ideias para que você não fique na mão e consiga relaxar nesse momento que é, justamente, de descontração. Quer saber como não errar na hora da conta? Então, é só continuar a leitura!

Comece planejando o evento

Antes de começar a pensar nas carnes e nas bebidas, é preciso fazer um planejamento. Afinal, você precisa saber quantas pessoas comparecerão e quanto tempo o churrasco vai durar, por exemplo, a fim de estimar o consumo e chegar bem perto do volume ideal de alimentos.

Por isso, vale a pena listar as quantidades:

  • de adultos;
  • de crianças;
  • de adultos que não consomem bebidas alcoólicas.

Só por aí, você já saberá como calcular a média de consumo de cada pessoa, chegando ao número ideal de itens (e o peso, no caso das carnes), que vai precisar adquirir.

Cálculo para churrasco: estipule a quantidade de carnes, bebidas e acompanhamentos

Agora, é o momento em que você começa a listar os produtos e suas quantidades. Não se esqueça que isso deve ser feito com base no total de pessoas que comparecerão e na duração do evento.

Calculando a quantidade de carnes

Para um churrasco que tenha a duração de 4h, por exemplo, pode-se estimar que cada pessoa adulta vai consumir uma média de 400g de carne. No caso das crianças (até os 10 anos, em média), o consumo é de, aproximadamente, 200g (metade dos adultos).

Entre as opções de carne que você pode oferecer, estão:

Não se esqueça de comprar a quantidade certa de carvão

Já pensou se você compra as carnes e as bebidas nas quantidades certas e o carvão acaba antes de o evento ser finalizado? Para não correr o risco de que isso aconteça, é bom incluir o produto na sua lista de cálculo para churrasco. 

O gasto estimado é de 5 kg de carvão para, aproximadamente, 5 kg de carne — pode ser que isso seja mais que suficiente e acabe sobrando no final, mas, ainda assim, é melhor que faltar (principalmente porque você vai poder reutilizá-lo em outra ocasião).

Atenção! Tenha o cuidado de armazenar os pacotes adequadamente: eles devem ser colocados em locais secos, de preferência acima do chão e, ao ar livre, protegido da umidade (o que pode ser feito com um saco plástico. Essa dica também serve para quando você for guardá-lo para utilizar em um próximo churrasco.

Calculando a quantidade certa de bebidas

As bebidas são a segunda coisa mais importante em um churrasco e o cálculo não tem muito mistério. Considerando as mesmas 4h de evento que citamos ali acima, temos uma média de 6 long necks ou latas por pessoa. Já no caso do refrigerante, o ideal é que a quantidade seja metade do número de convidados, ou seja, no caso de 20 pessoas, compra-se 10 litros.

Ah! Você pode apostar em algumas variações e oferecer alguns drinks, como a caipirinha — ela também faz muito sucesso, principalmente se considerarmos que algumas pessoas não gostam de cerveja.

Planejando os acompanhamentos

Nem só de carne vive um churrasco, não é? Então, também vamos falar das opções que podem ser servidas como guarnição.

Vinagrete

Quer coisa com mais cara de churrasco que o vinagrete? Ele acompanha bem as carnes, linguiças, pode ser usado como recheio no pão e ainda vai muito bem com saladas.

Pão de alho

O pão de alho é um excelente acompanhamento e sempre faz muito sucesso. Além do sabor original, você consegue encontrar por aí outras versões como a de tomate seco, apimentado e de alho-poró.

Farofa

A farofa também é algo a se considerar. Ela pode ser bem simples, feita com cebola, manteiga e farinha de mandioca, ou mais elaborada, incluindo bacon, ovo, cenoura e farofa pronta (dessas que já vêm temperadas).

Saladas

Além de serem um ótimo acompanhamento, as saladas mostram um cuidado a mais com as pessoas vegetarianas (que comparecem ao evento mais pela socialização). Você pode fazê-la de diversas formas e oferecer mais de um tipo. Entre as opções:

  • de folhas verdes;
  • de batatas;
  • de massas (como a macarronese);
  • um mix de folhas e legumes (crus ou cozidos).

Comida “de verdade”

Dependendo do pessoal que for convidado e, principalmente, se houverem crianças, é recomendável que você inclua arroz, macarrão, mandioca e polenta, por exemplo. 

Evite os desperdícios

Apesar daquele ditado que diz que “é melhor sobrar que faltar”, o melhor a se fazer ainda é evitar os desperdícios. Se o medo de errar fez você comprar mais carnes que o necessário, aproveite para utilizá-las em outras receitas no dia seguinte ou mesmo fazer o congelamento para usar em outra ocasião. O importante é fugir do lixo.

Por outro lado, para contornar esse problema ainda durante o churrasco, o ideal é que você (ou quem for ficar na churrasqueira) vá abrindo as embalagens aos poucos, à medida que elas forem acabando. Com isso, você sai daquela situação em que as carnes já prontas vão sendo deixadas no prato e ficando frias — o que é um desperdício quase certo.

Quer facilitar ainda mais o cálculo para churrasco? Na internet, você consegue encontrar calculadoras que já fazem esse trabalho de forma automática. Basta indicar a quantidade de adultos e crianças e elas mostram as quantidades aproximadas de cada item que precisa ser adquirido.

Gostou deste artigo? Agora não tem mais como errar na hora do planejamento, não é? Que tal compartilhar este artigo em suas redes sociais, deixar que mais pessoas conheçam essas dicas? Aproveite e já convide a turma para aquela resenha especial!

COMPARTILHE ISSO:

2 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *