Revendedores

8 itens para se atentar ao buscar bons fornecedores de alimentos

Quem tem um negócio próprio sabe a importância de ter bons fornecedores de alimentos, pois eles são responsáveis pela qualidade dos produtos e impactam diretamente na satisfação dos clientes. Portanto, escolhê-los adequadamente beneficia o seu comércio.

Para que a parceria proporcione bons resultados, é necessário pesquisar e ter bastante atenção na hora de buscar os melhores fornecedores, pois existem aspectos essenciais que devem ser avaliados.

Foi pensando nisso que resolvemos elaborar este artigo, mostrando (e explicando) 8 itens que não podem ficar de fora da sua escolha por bons parceiros de negócios. Quer saber quais são eles e aumentar suas chances de obter sucesso nas decisões? Então, continue conosco e confira a seguir!

1. Análise do cenário do negócio

Antes de tudo, é importante entender melhor o seu negócio, quais são as características da sua rotina e até mesmo o comportamento dos seus concorrentes. Afinal, tudo isso pode impactar suas atividades e os seus resultados com as vendas. Nos tópicos a seguir, mostramos algumas dicas essenciais para você colocar em prática.

Entenda a sua demanda

A demanda vem da procura dos clientes pelos produtos. Então, se você vende muitas unidades do refrigerante da marca x, dizemos que a demanda para ele é alta. Por outro lado, um macarrão da marca y que quase nunca sai tem uma demanda muito baixa.

Por que saber isso é importante? Antes mesmo de procurar por bons fornecedores de alimentos no mercado, é necessário entender como as suas operações funcionam e como suas compras devem ser planejadas para manter um estoque realista.

Com base nisso, deve-se fazer ajustes no controle de compras e na composição do estoque, visando adequá-lo o mais próximo da realidade (e das necessidades dos seus clientes), além de saber como acionar seus fornecedores, escolhendo os produtos certos e nas quantidades ideais.

Caso contrário, de nada adianta ter bons parceiros de negócios: seus resultados (principalmente financeiros) não serão como o esperado. 

Analise seus concorrentes

Você já parou para pensar no que os seus concorrentes estão fazendo? Vale a pena fazer um estudo e verificar quais práticas eles adotam que são bem-sucedidas. A partir daí, você pode ver quais delas se aplicam ao seu negócio e como elas podem ser implementadas para promover melhorias — o temo utilizado no mercado para essa estratégia é benchmarking.

Por que será que alguns clientes preferem comprar no outro estabelecimento? Em uma dessas análises, você pode acabar descobrindo que não oferece uma variedade satisfatória de produtos (o que acontece no concorrente) e, por isso, “espanta” uma parte do público.

Nesse caso, a ineficiência está bem ligada à questão da análise da demanda, que citamos no tópico anterior. Com alguns ajustes na estratégia e melhorias práticas, você já consegue observar uma mudança satisfatória nos resultados.

Procure em locais específicos

Além de procurar por fornecedores de alimentos na internet (o que é prático e rápido), tente buscar em meios mais específicos, como catálogo e revistas especializadas. Neles, você consegue obter informações ainda mais completas a respeito dessas empresas — como as ações que elas promovem, os prêmios que ganham, entre outras coisas.

2. Fornecedores de alimentos reconhecidos pelo mercado

É vantajoso para o negócio escolher fornecedores de alimentos com tradição e expertise na área em que atuam e que sejam reconhecidos pelo mercado. Afinal, quando uma companhia tem grande conhecimento do que faz, costuma levar em conta a necessidade de seus parceiros e consumidores.

Além disso, quando ela tem boa reputação e é reconhecida no mercado, os clientes têm mais confiança em adquirir seus produtos. Consequentemente, ao tê-la como fornecedora, o seu comércio atrairá uma clientela maior e mais fiel.

3. Conhecimento da marca

Marcas “grandes” não são muito conhecidas no mercado à toa. Elas conseguiram se consolidar justamente por oferecerem produtos de qualidade e se preocuparem com seus clientes (e consumidores finais). 

Portanto, outro item que pode (e deve) fazer parte do seu processo de qualificação dos fornecedores é essa consolidação. Contudo, vale destacar que isso não significa que você deve evitar outras empresas a todo custo.

Às vezes, uma marca que vem de outra região pode ter excelentes produtos e só não tem o mesmo apelo por serem tradicionais em outras localidades. Nesses casos, só não se esqueça de tomar cuidado com a demanda e verificar se existe um público bom para comprar esses alimentos.

4. Produtos variados e de qualidade

Outro fator que pesa na balança na hora de contratar bons fornecedores de alimentos é a variedade e a qualidade dos produtos oferecidos. Para isso, é importante que o fornecedor siga a legislação e atue em conformidade com os órgãos de fiscalização.

Aliás, a relação com o parceiro também deve ser transparente, inclusive para esclarecer dúvidas sobre produtos, origem da matéria-prima utilizada e o modo de produção. Portanto, opte por fornecedores que disponibilizem em seu site informações sobre cada produto e, se possível, a possibilidade de compra online. Dessa forma, antes mesmo de fechar um negócio, é possível pesquisar os produtos de seu interesse, conferir as informações de cada um deles e receber orientações como, por exemplo, a conservação.

Atente também para o mix oferecido, pois quanto maior o portfólio, maiores as chances de as necessidades do seu comércio e seus clientes serem atendidas por um mesmo fornecedor, facilitando, assim, a gestão de produtos e estoque

5. Rapidez e agilidade nas entregas

Fornecedores de alimentos

Falta de produto na loja, na mercearia ou mercado deixa qualquer dono de negócio preocupado. Por esse motivo, o melhor é ter um fornecedor rápido e com facilidade nas entregas. A busca de um fornecedor que possa atendê-lo no horário adequado à sua necessidade e no volume necessário ao seu comércio, faz uma grande diferença para sua gestão.

Há empresas, como a Pif Paf Alimentos, que possuem uma grande área de atuação e são capazes de fornecer esses serviços diferenciados. As compras realizadas até às 16 horas são entregues no dia seguinte, no caso das capitais, por exemplo, o que evita rupturas e dispensa a necessidade de manter grandes estoques, diminuindo o custo.  

Por outro lado, se seu fornecedor tiver uma logística ineficiente, com muitos atrasos e pedidos errados, vai refletir direto na rotina do seu negócio. É bastante provável que você sofra com a falta de produtos nas prateleiras (o que acarreta perda nas vendas e um prejuízo para a imagem do seu mercado na região).

6. Boa infraestrutura

Sem dúvidas, para garantir a qualidade dos alimentos, um bom fornecedor deve ter controle sobre toda a cadeia produtiva, uma infraestrutura adequada para a produção, armazenamento e transporte de alimentos, especialmente no caso de produtos refrigerados, como a carne de frango e pratos prontos. Para ter certeza de que tudo está de acordo, é possível, por exemplo, fazer uma visita ou perguntar sobre como é o funcionamento do local de produção. 

Questões como segurança alimentar, higiene e procedimentos de qualidade devem ser sempre observados na busca por bons fornecedores.

Levar em conta o próprio código de conduta da companhia também é indicado. Fique atento ao código de conduta disponível no site das empresas para saber mais sobre o negócio, seus valores, sua missão e seus parâmetros de relacionamento externo, inclusive com fornecedores e parceiros.

7. Personalização das compras

Na hora de escolher bons fornecedores de alimentos, também é importante considerar a possibilidade que eles oferecem de personalizar as compras. Afinal, você tem necessidades específicas para atender aos seus clientes, certo?

Então, observe se é viável solicitar apenas determinados produtos ou estabelecer um contrato à longo prazo com o fornecedor. Confirme a necessidade ou não de pedido mínimo e fique atento ainda com relação às entregas, pois restrições de datas e horários podem limitar o seu estoque ou prejudicar o reabastecimento do seu comércio.

8. Aliado do seu empreendimento

Lembre-se ainda de procurar fornecedores de alimentos que atuem como aliados para o seu empreendimento. Ou seja, que demonstrem interesse pelo seu negócio e não queiram apenas fechar um compra a qualquer custo e que façam visitas regularmente.

Comece verificando se o fornecedor investe no atendimento ao cliente, se o call center funciona de maneira fácil e rápida. Além disso, avalie a atuação dos representantes de vendas, pois eles devem orientá-lo da melhor maneira possível e indicar sugestões para favorecer o crescimento do seu empreendimento. Aliás, eles ainda podem auxiliá-lo a gerir o negócio e indicar produtos variados, mais adequados ao seu comércio e clientes.

Nessas horas, é bom fazer um exercício de imaginação: se o atendimento inicial já não está dentro das suas expectativas, pense em como ele pode ser caso você tenha algum problema com uma entrega, por exemplo, que precisa ser solucionado com rapidez.

Bônus: descubra por que a Pif Paf é a melhor opção

A Pif Paf Alimentos já soma mais de 50 anos no mercado brasileiro e é uma das 10 maiores empresas que atuam no setor de processamento de aves e suínos no país. Mas, também não podemos deixar de citar o reconhecimento internacional que a marca já alcançou.

Todos os esforços ligados à gestão de pessoas, governança corporativa, gestão da qualidade, entre outras áreas, se traduziram em diversos prêmios como forma de reconhecimento pelo bom trabalho que vem sendo feito.

A logística de entregas

Além da tradição e confiança que a marca Pif Paf transmite para os seus parceiros de negócios, tem a logística de entregas, que busca ser ágil e atender os clientes com o máximo de eficiência. Com isso, os envios são feitos diariamente e de forma bem pulverizada — ou seja, englobando diversas regiões espalhadas —, independentemente de serem nas capitais ou em cidades do interior de Minas Gerais, Espirito Santo e Rio de Janeiro.

Isso significa que as entregas são bem rápidas e você não precisa criar uma programação de compras voltada para organizar pedidos mais longos, com prazos maiores (o que demanda gestões de estoque e aquisições mais complexa).

Assim, não é necessário manter o estoque abarrotado de produtos. Com quantidades menores, diminui-se os custos operacionais e o risco de perdas de alimentos. Sendo assim, a logística da Pif Paf se torna uma grande aliada do seu estabelecimento, principalmente por sofrer com poucos atrasos na rotina e por ter alta disponibilidade dos produtos para envio imediato.

O mix de produtos

A Pif Paf Alimentos conta com um catálogo que contempla mais de 300 itens. Isso quer dizer que há variedade nos produtos e que você pode contar com isso no seu estabelecimento — o que é essencial para atrair a atenção dos consumidores e torná-los clientes. 

O relacionamento com os parceiros

A empresa prioriza um relacionamento próximo com seus clientes e, por isso, investe em um atendimento dedicado. Além de representantes, você pode entrar em contato e fazer suas compras de outras duas formas: a loja virtual e o call center.

O clube de compras Pif Pag

pif pag

Como se não fosse suficiente, ainda existe o clube de compras da Pif Paf, o Pif Pag. Ao fazer parte dele, você consegue obter bônus em diversos produtos adquiridos. Em uma compra futura, eles se convertem em descontos no valor total. Na prática, essa é a oportunidade ideal de criar boas promoções (e atrair clientes) ou aumentar a sua margem de lucro (melhorando os resultados financeiros).

Como visto, escolher fornecedores de alimentos requer atenção, muito cuidado e diversas análises até chegar a uma decisão acertada. É necessário pesquisar bastante e verificar alguns aspectos essenciais, como reputação no mercado, oferta de produtos, rapidez nas entregas, infraestrutura, personalização e atendimento. Portanto, não tenha receio de ter um processo demorado, já que essa relação afeta diretamente a rotina do seu estabelecimento.

De fato, seguindo essas dicas, será mais fácil alcançar esses objetivos. Agora que você sabe quais os principais itens para avaliar na hora de buscar bons fornecedores de alimentos para o seu negócio, conheça a loja online da Pif Paf Alimentos. O cadastro é simples e rápido e nela você vai encontrar o que precisa para compor o estoque do seu negócio!

COMPARTILHE ISSO:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *